Rua Alcides Simão Helou, 443 - Serra-ES 27 3038-4122

ETA Convencional

ETA Convencional

ETA Convencional

  • Date: 04 Agosto 2016
  • Tags: ETA's

A ETA SANEVIX é uma estação do tipo convencional, concebida para tratar águas com características do tipo A, B e C conforme NBR-12.216/92 da ABNT. São fabricadas em aço revestido com Poliuretano vegetal, garantindo assim sua durabilidade e proteção contra corrosão. É do tipo hidráulico, não sendo necessário o uso de equipamentos mecanizados.

A ETA é composta das seguintes etapas:

Medição de vazão/Coagulação: a medição de vazão é realizada em uma Calha Parshall. Ela também é utilizada para dispersão de coagulante na sua zona de mistura rápida, posteriormente ao medidor de vazão. A alta velocidade da água com o auxílio da calha Parshall provocarão condições ótimas de mistura.

Floculação: nesta etapa é promovida a aglutinação dos flocos resultantes da desestabilização das partículas coloidais, ocorrida na fase da mistura rápida. São utilizados floculadores hidráulicos dos tipos Alabama ou Chicana.

Decantação: a água floculada é introduzida sob as lamelas paralelas inclinadas e ao escoar entre elas ocorrerá à sedimentação do lodo.

Filtração: é a etapa que retêm as partículas que, porventura, não foram retiradas da água na decantação e onde ocorre a limpeza biológica da água em tratamento. A filtração é do tipo rápida de camada dupla e fluxo descendente. A saída de água filtrada é constituída por uma canalização ascendente, cuja extremidade superior é posicionada de forma a garantir que os filtros sejam auto-laváveis. Assim, o filtro que for retirado de operação para ser lavado utiliza a água filtrada pelas unidades remanescentes para esse fim.

Desinfecção: é a etapa onde ocorre a destruição ou inativação de organismos patogênicos. O agente desinfectante, em geral o cloro, é adicionado na entrada do tanque de contato. Se for verificada a necessidade de correção do pH após a cloração esta deverá ser realizada na saída do tanque de contato.

Fluoretação: é o processo pelo qual adiciona-se compostos de flúor às águas de abastecimento público, através de equipamentos dosadores, a fim de proporcionar o teor adequado de íon fluoreto benéfico para prevenção de cárie dentária.

Principais Vantagens:

  • Compacta;
  • Autolavável (não possui equipamentos mecanizados);
  • Simplicidade operacional.

Fluxograma do processo:

Fluxograma

Solicite um orçamento